PUBLICIDADE

Santos / Polícia

Pol√≠cia Civil encontra ‘central’ do tr√°fico em comunidade de Santos

Foram apreendidas por√ß√Ķes de drogas, como coca√≠na, skunk, ecstasy e maconha, al√©m de uma espingarda, uma pistola 9 mil√≠metros, assim como um carro e uma moto.

 

Foto: Secretaria de Seguran√ßa P√ļblica (SSP)

Da redação

A Pol√≠cia Civil descobriu uma ‘central’ do crime organizado em uma comunidade no bairro do Castelo, em Santos, na quinta-feira (22). O local tinha c√Ęmeras de monitoramento instaladas em postes para vigiar a movimenta√ß√£o de policiais. De acordo com as investiga√ß√Ķes, a √°rea √© comandada por um l√≠der de uma fac√ß√£o criminosa. O suspeito, de 31 anos, √© procurado pela Justi√ßa pelos crimes de roubo e posse ilegal de arma de fogo.

Os agentes da Delegacia de Investiga√ß√Ķes Gerais (DIG) do 5¬ļ Distrito Policial de Santos, com suporte de policiais de outras unidades, desencadearam uma opera√ß√£o para tentar localizar o l√≠der da organiza√ß√£o criminosa envolvido no transporte de armas e drogas na √°rea.

Durante a operação na comunidade, no entanto, os policiais se depararam com os suspeitos envolvidos com o tráfico no local, incluindo o investigado alvo dos agentes, que estavam portando armas de fogo.

O líder do bando tentou fugir em uma moto, mas caiu, momento em que apontou a arma à equipe. Um dos policiais, em legítima defesa, realizou um disparo que atingiu o pé do investigado, que conseguiu fugir com os outros suspeitos por um beco. Os policiais civis seguiram os homens, mas eles se embrenharam no mangue, atravessando o rio para a outra margem e adentrando na mata, conseguindo escapar.

No local monitorado por c√Ęmeras, foram apreendidas por√ß√Ķes de drogas, como coca√≠na, skunk, ecstasy e maconha, al√©m de uma espingarda, uma pistola 9 mil√≠metros, assim como um carro e uma moto. O caso foi registrado como tentativa de homic√≠dio contra autoridade policial, tr√°fico de drogas e apreens√£o de ve√≠culo no 5¬ļ Distrito Policial. As investiga√ß√Ķes prosseguem para capturar os envolvidos.