PUBLICIDADE

Brasil / Política

Presidente veta indeniza√ß√£o a profissionais de sa√ļde

Em decis√£o publicada no Di√°rio Oficial da Uni√£o desta ter√ßa (4), o presidente Jair Bolsonaro vetou integralmente o projeto que previa indeniza√ß√£o de R$ 50 mil aos profissionais de sa√ļde incapacitados ap√≥s contra√≠rem o novo coronav√≠rus.

A proposta foi aprovada pelo Congresso Nacional em julho e também incluia o pagamento do mesmo valor a dependentes de profissionais da linha de frente no combate à pandemia que morreram em decorrência da Covid-19.

O projeto inicial previa indeniza√ß√£o a todos os profissionais reconhecidos pelo Conselho Nacional de Sa√ļde, agentes de endemias, t√©cnicos e auxiliares de servi√ßos operacionais, como limpeza, condu√ß√£o de ambul√Ęncias e seguran√ßa. Durante as discuss√Ķes no Congresso, outras categorias foram inclu√≠das, como fisioterapeutas, nutricionistas, assistentes sociais e coveiros.

Conforme o presidente, o teor do projeto √© inconstitucional e contr√°rio ao interesse p√ļblico. Um dos motivos apontados por Bolsonaro foi a falta de apresenta√ß√£o de estimativa do impacto or√ßament√°rio e financeiro do projeto.