PUBLICIDADE

Estado / S√£o Paulo

Paulo Cupertino, acusado de matar o ator Rafael Miguel, é preso três anos após o crime

Da Redação

Enfim terminaram as buscas da Polícia em encontrar Rafael Cupertino Matias. Ele foi preso nesta segunda-feira (16), em São Paulo, três anos após de matar o ator Rafael Miguel e também os pais da vítima. O crime ocorreu em 9 de junho de 2019.

Ap√≥s a captura, o r√©u foi levado por policiais da 6¬™. Seccional at√© o 98¬ļ Distrito Policial, no Jardim Miriam, Zona Sul de S√£o Paulo. Depois de todos os procedimentos, a expectativa √© que ele seja levado novamente √† 6¬™ Seccional.

De acordo com a Polícia Civil da Capital, a equipe de policiais foi informada que Paulo Cupertino estaria na capital paulista. Eles foram checar e encontraram o procurado. ele chegou a ser incluído na Difusão Vermelha da Interpol, Cupertino era o primeiro nome da lista dos criminosos mais perigosos e procurados de São Paulo, o réu Paulo Cupertino Matias.

Relembre o crime

Segundo informa√ß√Ķes do Minist√©rio P√ļblico (MP), o empres√°rio assassinou a fam√≠lia porque n√£o aceitava o namoro de¬†Isabela Tibcherani, a sua filha de 18 anos √† √©poca, com o artista. C√Ęmeras de seguran√ßa mostraram o momento em que ele atira 13 vezes¬†em Rafael, que tinha 22 anos, e nos pais do ator:¬†Jo√£o Alcisio Miguel, de 52, e a m√£e¬†Miriam Selma Miguel, 50.

Cupertino √© acusado de¬†triplo homic√≠dio duplamente qualificado, por motivo f√ļtil e recurso que impossibilitou a defesa das v√≠timas. Ele, que atualmente tem 50 anos, nunca constituiu um advogado para defend√™-lo. Al√©m do empres√°rio,¬†dois amigos dele s√£o r√©us¬†no mesmo caso por terem ajudado o assassino a fugir

O assassinato foi cometido na frente da casa onde Isabela morava com a mãe, no bairro da Pedreira, Zona Sul da capital paulista. As duas não foram baleadas por Cupertino e sobreviveram. O empresário fugiu.

Foto: Divulgação Polícia Civil