PUBLICIDADE

Região / Polícia

Operação verão chega a 30 mortos e supera a Operação Escudo em óbitos

A a√ß√£o policial foi desencadeada no fim de dezembro do ano passado. Por√©m, a 2¬į e 3¬į fase dela, que desencadeou um grande refor√ßo policial, aconteceram ap√≥s a morte do soldado da Rota, Samuel Wesley Cosmo, no dia 2 de fevereiro, em Santos.

 

 

 

Foto: Divulgação / PM

Da redação

A Opera√ß√£o Ver√£o chegou a 30 mortos, superando a Opera√ß√£o Escudo de 2023. A 29 ¬į morte aconteceu na segunda-feira (19), no Morro S√£o Bento, em Santos. De acordo com a Secretaria de Seguran√ßa P√ļblica (SSP), um foragido da Justi√ßa, identificado como Ivanilton Ferreira de Andrade Junior, de 37 anos, foi baleado durante um patrulhamento da Pol√≠cia Militar (PM).

Conforme a apuração, Ivanilton estava subindo a Rua Santa Luzia com uma mochila, quando foi abordado pelos agentes, momento que ele sacou uma pistola. Um policial tentou desarmá-lo, os dois entraram em luta corporal e o agente atirou. Outro PM também chegou a balear o suspeito. O homem foi socorrido e levado ao pronto-socorro, mas não resistiu.

Com ele, foram encontrados e apreendidos cinco celulares, R$ 1.711,00, tr√™s cadernos e um bloco com anota√ß√Ķes referentes √† venda de drogas, balan√ßa de precis√£o, maquininha de cart√£o, quatro cart√Ķes banc√°rios e 13 documentos de identidade.

Segundo a SSP, a arma usada por Ivanildo foi roubada em 2023 de um policial militar. Ele estava foragido desde janeiro de 2022, quando deixou a penitenci√°ria durante uma saidinha tempor√°ria.

30¬į morte

Vídeo: Vivendo na Baixada

A 30¬į morte aconteceu na tarde desta ter√ßa-feira (20), no bairro Sabo√≥, em Santos. Um homem, de 30 anos, morreu ap√≥s entrar em confronto com policiais militares, na Rua Canan√©ia, por volta das 12h. Ainda de acordo com a pasta, os policiais faziam uma opera√ß√£o pelo local, quando o suspeito fugiu de uma tentativa de abordagem e se escondeu em uma casa. Em seguida, ele atirou contra os agentes, que intervieram.

O suspeito foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) à Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas não resistiu.

As armas utilizadas pelos policiais foram apreendidas. Com o suspeito foram apreendidas uma pistola calibre .380 com a numera√ß√£o suprimida, 490 por√ß√Ķes de maconha, 616 por√ß√Ķes de crack, 205 por√ß√Ķes de coca√≠na, um r√°dio transmissor e um celular.

O caso foi registrado como morte decorrente de interven√ß√£o policial, localiza√ß√£o/apreens√£o de objeto, drogas sem autoriza√ß√£o ou em desacordo e tentativa de homic√≠dio, no 5¬ļ Distrito Policial (DP) de Santos.

 

3¬į fase da Opera√ß√£o Ver√£o

Foto: Reprodução


Durante a 3¬į fase da Opera√ß√£o Ver√£o na Baixada Santista, iniciativa voltada ao combate √† criminalidade e a garantia da seguran√ßa da popula√ß√£o, 706 criminosos foram presos, incluindo 261 procurados pela Justi√ßa. Al√©m disso, foram apreendidos 509 quilos de drogas e 81 armas ilegais, incluindo fuzis de uso restrito. At√© o momento, 30 pessoas morreram em confronto com a pol√≠cia.

A a√ß√£o policial foi desencadeada no fim de dezembro do ano passado. Por√©m, a 2¬į e 3¬į fase dela, que desencadeou um grande refor√ßo policial, aconteceram ap√≥s a morte do soldado da Rota, Samuel Wesley Cosmo, no dia 2 de fevereiro, em Santos. Ka√≠que Coutinho do Nascimento, conhecido como “Chip”, de 21 anos, foi preso em Uberl√Ęndia, Minas Gerais, e √© acusado de matar o agente.¬†

Operação Escudo 

Foto: Reprodução

Com os ocorridos, a Operação Verão passou a Operação Escudo de 2023, onde 28 pessoas morreram. A ação aconteceu após a morte do soldado da equipe de Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar (Rota), Patrick Reis, na Vila Zilda, em Guarujá, no final de julho.

Além de Reis, que foi baleado no tórax, outro agente foi ferido, mas na mão esquerda. Ele foi conduzido ao Hospital Santo Amaro (HSA), onde realizou um procedimento e foi liberado.

Erickson David da Silva, conhecido como “Deivinho” foi preso ap√≥s se entregar na noite de 30 de julho, na Capital. Ele √© acusado de matar o agente.¬†

No período, as forças policiais apreenderam quase 1 tonelada de drogas. Também foram retiradas das mãos de criminosos 119 armas ilegais, incluindo fuzis e submetralhadoras. 976 criminosos foram presos, sendo que desse total, 388 estavam foragidos. Outros 70 adolescentes infratores foram apreendidos.