2.6 // EDUCAÇÃOREGIÃO

Professores fazem greve de um dia em Cubatão

Os professores de Cubatão decidiram paralisar os seus trabalhos por um dia. Hoje (12) pela manhã, os educadores se reuniram e fizeram uma passeata para protestar contra a Administração municipal.

De acordo com a presidente do Sindicato dos Professores, Nilza Bretas, as exigências da categoria estão relacionadas à recomposição salarial referente à redução de 30% dos proventos do Infantil 1, o fim dos processos de desaposentaria, a garantia de aposentadoria sobre jornada total e o pagamento do piso nacional do magistério para o infantil.

Em entrevista para o MAIS SANTOS, Nilza afirmou que é muito triste tudo que está acontecendo com os professores de Cubatão.

“O nosso sentimento é de desvalorização por parte do prefeito. A nossa profissão é muito difícil, nós trabalhamos com vidas e formamos pessoas. Desanima muito ser tratado dessa forma”, lamentou.

A partir das 15 horas desta terça-feira, os professores farão outra passeata pelas ruas da cidade. Por fim, os profissionais da educação vão fazer um ato na Câmara Municipal.

A reportagem do MAIS SANTOS entrou em contato com a Prefeitura e está aguardando o posicionamento do órgão.

 

Vídeo: Divulgação

saiba antes via instagram @revistamaissantos