PUBLICIDADE

Brasil / Cotidiano

Um fim de semana para contemplar a “Lua de Sangue”

Por Agência Brasil

Tudo mundo para um instante na noite para admirar a lua, assim que o tempo est√° com o c√©u limpo. E no final de semana, a popula√ß√£o pode ver a lua com um aspecto diferente, mas ainda assim sendo bela. A “Lua de Sangue” e pelos especialistas ela √© condierada triplamente especial para o Brasil.

O evento durar√° pouco mais de tr√™s horas, encerrando-se √†s 2h55.¬†‚ÄúA grande vantagem desse eclipse, que chamo de triplo total, √© que, al√©m de ser um eclipse total da lua, ser√° totalmente vis√≠vel em todo o Brasil, de Norte a Sul; de Leste a Oeste. O Brasil inteiro ver√° o eclipse do in√≠cio ao fim, em todas suas fases, na sequ√™ncia penumbral, parcial, total, e depois retornando √† parcial e √† penumbral‚ÄĚ, explicou a astr√īnoma do Observat√≥rio Nacional, Josina Nascimento.

‚ÄúOutra vantagem √© que a Lua estar√° bem alta no c√©u, longe do horizonte, bem f√°cil de ser vista. Agora √© torcer para que o tempo fique bom e n√£o atrapalhe o espet√°culo‚ÄĚ, acrescentou.

Segundo Josina, o pr√≥ximo eclipse desse tipo, em que todas as etapas podem ser apreciadas de qualquer regi√£o, s√≥ ocorrer√° em junho de 2029, entre os dias 25 e 26. ‚ÄúAt√© l√°, teremos v√°rios eclipses parciais‚ÄĚ, tranquilizou a astr√īnoma.

Al√©m do Brasil, ter√£o o privil√©gio de observar a Lua de Sangue triplamente especial os demais pa√≠ses da Am√©rica do Sul e da Am√©rica Central. O fen√īmeno tamb√©m ser√° vis√≠vel em parte da Am√©rica do Norte, da Europa e da √Āfrica.

Os eclipses lunares ocorrem quando o Sol, a Terra e a Lua se alinham. ‚ÄúQuando um corpo extenso, como o Sol, ilumina outro corpo extenso ‚Äď no caso, a Terra ‚Äď, ocorrem duas regi√Ķes de sombra: a penumbra e a umbra. Quando totalmente escura, sem nenhuma luminosidade, essa sombra √© a umbra; quando recebe luz em alguns pontos, a sombra, um pouco mais clara, √© a penumbra.

‚ÄúQuando a Lua entra na sombra da penumbra, come√ßa o eclipse penumbral; quando est√° totalmente na penumbra, √© o eclipse penumbral. Quando come√ßa a entrar na umbra, √© o eclipse parcial. Quando a lua est√° totalmente mergulhada na umbra, √© o eclipse total, e ela toma uma cor avermelhada bel√≠ssima. Por isso √© chamada de Lua de Sangue‚ÄĚ, detalhou a astr√īnoma do Observat√≥rio Nacional.

Foto: Divulgação Agência Brasil